Como-escolher-o-nicho-perfeito-para-o-meu-blog
Tempo de leitura: 6 minutos

Achar o nicho certo é crucial

Alguém vai ler o conteúdo que eu crio?

Essa é uma pergunta assustadora, porém MUITO importante. Se você está comprometido em criar um blog de qualidade e lucrativo, terá que ler, escrever e falar sobre seu nicho muitas vezes. Você irá investir centenas de horas, literalmente apostando seu tempo no sucesso do blog.

A pergunta que você deve estar se fazendo é: como vou encontrar o nicho certo?

Vou te responder com duas outras perguntas:

  • Você vai simplesmente começar a escrever, e esperar que alguém te note?
  • Ou você vai pesquisar cuidadosamente o seu nicho, procurando o ângulo certo para tornar o seu conteúdo útil dentro do seu nicho?

Eu recomendo a segunda opção… 🙂

O que é um nicho?

O nicho é basicamente o tema do seu blog. Vai definir o tipo de informações que você irá trazer para seus visitantes e sobre quais tópicos você vai escrever.

Você pode ter um nicho amplo (como esportes, por exemplo), ou um nicho muito específico (seguindo o exemplo anterior, falando sobre um time em especial) – não existe nicho “errado”, porém existe um nicho certo para você.

 O seu nicho ideal, deve interligar essas três áreas:

  • Sua paixão – Um assunto que você realmente goste e se importe.
  • Sua especialidade – Você deve ser bom nisso e saber do que está falando.
  • Viabilidade de mercado – Seu blog deve resolver problemas das pessoas.

grafico nicho

#1 – Paixão – O que te faz sair da cama pela manhã?

Vamos ser honestos, boa parte dos blogs são chatos e parecem apenas cópias uns dos outros.

Para encontrar o nicho perfeito, olhe dentro de você e se pergunte: de onde vem minha energia? Ter um blog significa que você precisa criar conteúdo regularmente sobre o seu assunto.

Pense em que assunto você teria a paixão necessária para passar anos escrevendo sobre. Algo que você realmente goste e se importe. Um tópico que engaje você emocionalmente. O que te faz querer levantar da cama para viver, todos os dias?

Escrever sobre a sua paixão faz você gostar do que está fazendo e transforma o trabalho em diversão! O sucesso pode até não ser garantido, mas é muito mais provável que você atinja o sucesso quando está emocionalmente envolvido com o seu projeto.

Agora, faça uma lista com os assuntos que você adoraria passar o tempo escrevendo sobre. Escreve lá, e volte aqui pra continuar a leitura! :p

#2 – Especialidade – Em que assunto você tem credibilidade e experiência?

Sua paixão vai te dar combustível e força de vontade no trabalho, mas isso não é tudo que se precisa. Você precisa saber do que está falando.

A sua marca vai ser a de um expert naquele assunto e seus leitores vão esperar isso de você. As pessoas prestam mais atenção em quem elas veem como experts, então foque seu conteúdo em assuntos onde você possa construir a sua marca como um expert.

Não tente ser um expert em tudo. Se você tentar escrever sobre toda ideia que pipocar na sua cabeça, seu blog não vai ter direcionamento nenhum!

Para encontrar o seu nicho você deve se perguntar: no que eu sou melhor do que os outros?

Pare pra pensar. Certamente pessoas que você conhece já se depararam com problemas que você resolveu com facilidade. Essa pode ser a especialidade que diferencia você dos outros.

Pense e escreva sobre os pontos em que você é bom, e então compare eles com a sua lista de paixões. Descreva o problema que você vai resolver, e explique porque você é melhor nisso do que os seus concorrentes.

#3 – Viabilidade de mercado – Alguém precisa desse tipo de ajuda?

Chegamos a um ponto crucial. Do que adiantaria você gostar do assunto, ser bom nisso se ninguém precisa da sua ajuda?

Já falei aqui, mas vou repetir: você não pode escrever para todo mundo.

Identifique grupos de pessoas interessadas no seu tópico – eles são seu público-alvo. Um dos maiores erros de quem está começando com blogs é criar conteúdos sobre eles mesmos, e não sobre o seu público-alvo.

A não ser que você seja interessante para eles (e isso leva um bom tempo para se construir), seus visitantes normalmente não vão querer ouvir sobre você.

Não existe amor à primeira vista nos blogs. As pessoas não querem perder tempo com alguém que eles não conhecem, falando sobre coisas que não tem relevância para eles. Eles não se importam com você, se importam com eles mesmos, com os problemas que eles têm que resolver.

Querem informação útil. Querem ser educados e entretidos. Querem respostas para as suas dúvidas. Pense no conteúdo do seu blog, como se fosse um produto que precisa suprir uma necessidade do mercado.

Me desculpe se fui um pouco duro, mas a realidade é essa.

Agora chegou a hora de você pegar aquela listinha e analisar: qual tópico que você ama, tem conhecimento e acha que tem uma demanda no mercado? Encontre algo que as pessoas já estão tentando fazer, e as ajude a fazer isso.

Olhe para a sua lista final

Agora, você deve ter se deparado com algumas ideias. Talvez você tenha uma ideia, ou talvez você tenha cinco. Não tem problema, qualquer número é ótimo. 🙂

Olhe para essa lista. Deixe ela de lado um pouco. Deite pensando nas ideias. Olhe para a lista de novo. Espere um tempo. Olhe de novo. Você sabe o que quer de verdade.

Reflita sobre os possíveis nichos para o seu blog sem tomar uma decisão precipitada, e você saberá qual nicho quer realmente seguir, ele vai ficar pipocando na sua cabeça.

Seja confiante e vá em frente!

Assim que você encontrar o seu nicho, jogue essa lista fora. Na hora! Não se dê a chance de mudar de ideia. Seja confiante e comece a escrever sobre o assunto. Escreva seu primeiro post! Quem se importa se não for perfeito no começo? COMECE A ESCREVER (se você não sabe ainda como criar um blog, dê uma olhada nesse post)!

Feito é melhor do que perfeito!

Use os comentários abaixo para compartilhar suas ideias se quiser ouvir uma segunda opinião, vou ficar feliz em ajudar. 🙂

Se inscreva na lista VIP para receber mais dicas como estas no seu e-mail, e compartilhe este post para ajudar mais gente que estava na dúvida, como você!

Um abraço!